5 passos para engajar os membros da sua equipe

Apesar do desenvolvimento da tecnologia, com soluções cada vez mais modernas e eficientes para auxiliar as operações diárias de uma empresa, o fator humano ainda se mostra muito valioso em um ambiente de negócios, principalmente para engajar a sua equipe!

Na situação atual em que vivemos em nosso país, muitas empresas adotaram o modelo de home office ao avaliar a saúde e segurança de seus funcionários. No entanto, com esse novo modelo de trabalho também apareceram novos desafios: manter a equipe engajada mesmo de longe.

Por que é tão importante engajar os seus colaboradores?

Primeiramente, para qualquer empresa rodar perfeitamente e ter sucesso em seus objetivos, é necessário ter pessoas, certo?!

Você pode se esforçar ao máximo elaborando vários planos de ação, desenvolvendo uma enorme estratégia para conseguir bons resultados, prevendo cada passo do seu negócio para que não aconteça nada fora do previsto. Porém, nada dará certo se a sua equipe não se sentir motivada a executar os seus projetos.

Uma empresa cujo engajamento é mínimo ou falho, dificilmente conseguirá se manter resistente e crescer. Além disso, todos os processos externos, como o atendimento ao cliente e a própria qualidade do serviço prestado, podem ser afetados caso haja algum problema interno.

Benefícios de uma equipe engajada

Há inúmeros benefícios em investir no engajamento de sua equipe, principalmente no que tange o âmbito econômico! E quando falamos de dinheiro, levamos a conversa para outro patamar, não é mesmo?!

O primeiro benefício é ajudar as pessoas a realizar as tarefas com alegria e da maneira que quiserem. A segunda é infectar outros membros da equipe com a mesma mentalidade, porque uma pessoa negativa acabará poluindo os colegas e afetando a eficiência do trabalho em equipe.

Quais são os principais desafios ao engajar uma equipe?

A empresa que consegue manter seus funcionários alinhados e engajados, reduz drasticamente:

  • o nível de demissões;
  • o índice de insatisfação no ambiente de trabalho;
  • a improdutividade;
  • conflitos internos.

Em contraponto disso, a equipe engajada proporciona:

  • maior produtividade;
  • menor gasto com serviços de motivação;
  • crescimento empresarial;
  • maior índice de lucro.

Como engajar a sua equipe?

  1. Tenha propósitos bem claros e incentive o sentimento de pertencimento

Quando os funcionários sabem que seu trabalho é importante e que todos os demais na empresa dependem dele, seu desempenho tende a ser bem melhor!

Portanto, tente explicar continuamente seu papel durante a execução dos projetos. Para isso, você terá que criar um canal de comunicação eficiente, e ter muito cuidado para não deixar os membros da equipe parados, o que vai gerar muita desmotivação e fazer com que eles não se sintam parte do resultado.

2. Reconheça bons atos dos seus colaboradores

Empresa que só reconhece seus colaboradores em ações pontuais, como no dia do aniversário ou em premiações de funcionário do mês, não reconhece de verdade.

O reconhecimento sempre precisa começar com ações simples do dia a dia. Seu vendedor fechou um contrato? Dê os parabéns e agradeça o bom trabalho!

Um funcionário se preocupou em levar café ou lanche para a equipe? Agradeça por isso! Alguma meta foi batida? Hora de TODOS da equipe comemorarem!

É muito importante celebrar as pequenas conquistas e valorizar aqueles que são responsáveis por elas.

Esse reconhecimento diário funciona como uma “injeção de ânimo” na equipe e é responsável por manter a motivação da equipe sempre renovada.

3.  Incentive a autonomia dos colaboradores

Incentive seus funcionários a exercerem seu trabalho com autonomia. Organizar seu próprio tempo é uma liberdade básica, que dará aos funcionários muita motivação também!

Além disso, idealmente, ao gerenciar equipes remotas você deve ter uma equipe que não dependa inteiramente de você. Uma vez que sua equipe tenha um certo grau de independência, as tarefas serão executadas com mais confiança e os projetos serão concluídos com uma mobilidade mais saudável.

Dar liberdade para participarem das tomadas de decisão também pode ser uma ação muito positiva! Os funcionários mais envolvidos com as decisões da empresa tendem a sentir mais o peso das responsabilidades. A consequência disso é que eles se sentem mais valorizados e importantes no andamento dos projetos.

4. Dar à sua equipe o necessário para um bom desempenho

Se na execução das suas funções o colaborador sentir que não têm os recursos necessários, ou mesmo o conhecimento técnico exercer tal tarefa, ele poderá se sentir desmotivado e inseguro para realizá-las.

Se seus colaboradores necessitam de uma ferramenta nova ou algum tipo de capacitação, pense na possibilidade de fornecê-los a eles. Mesmo que, inicialmente, a empresa tenha alguns gastos com esses investimentos, em longo prazo, os ganhos serão muito positivos!

5. Elabore um plano de carreira dos colaboradores

O plano de carreira é um instrumento que os profissionais utilizam para guiar os seus passos e a evolução da sua carreira. Com essa possibilidade de crescimento dentro da empresa, a motivação do colaborador aumenta significativamente!

No geral, o plano de carreira possui alguns propósitos dentro da organização como promoção, aumento de salário e de responsabilidade, transferência de filial da empresa, transferência de cargo, aquisição de novos conhecimentos e habilidades, experiência em outros países, entre outros!

Dá pra perceber que através de algumas atitudes simples, mas muito importantes, são suficientes para estimular a motivação de equipe. Agora, é com você!

Continue a leitura em:

Gestão de pessoas: como dar ao seu time o melhor ambiente para atingir as suas metas?