Escalabilidade: como ter um negócio escalável e vender mais?

Escalabilidade significa aumentar as vendas sem aumentar os custos. Um modelo de negócios escalável significa organizar os processos da cadeia produtiva e todas as atividades internas e externas da empresa.

Essa organização tem como objetivo principal aumentar a produtividade e, ao mesmo tempo, reduzir despesas sem a necessidade de modificar ou aumentar o ônus da estrutura do negócio.

A razão é simples: conforme o número de produtos aumenta, o custo médio de produção (todos os custos relacionados a fábricas, mão de obra, equipamento e recursos) diminui.

O objetivo é preparar a infraestrutura e o modelo de negócios para atender à demanda, independente da quantidade de demandas. Quanto mais o tempo passa, melhor e mais eficiente deve ser o processo.

Quais são as vantagens da escalabilidade?

Identificar e compreender o nível de escalabilidade de seu negócio pode dar uma compreensão de seu potencial para enfrentar o mercado e como seu modelo falha

Saber o que e como vai dar errado é uma realidade e deve ser visto como um indicador necessário para garantir a integridade do investimento.

Quando os processos são fáceis de replicar e os custos aumentam desproporcionalmente, a empresa cresce mais rápido. Isso deu luz verde para os gerentes expandirem seus negócios.

Outro benefício que deve ser considerado é que o modelo escalável facilita a implementação de mudanças, para que a empresa permaneça sempre relevante para o mercado.

Quais as características da escalabilidade?

Para que uma empresa seja escalável, existem três características básicas:

  • Ser ensinável: Quando você pode ensinar seu processo de produção ou qualquer outro procedimento interno a qualquer funcionário, isso é um sinal de escalabilidade;
  • Ser valioso: O valor de um produto ou serviço está relacionado à diferença entre você e seus concorrentes e à singularidade de seu conhecimento. Portanto, é necessário ser o mais profissional possível;
  • Ser replicável: Um modelo fácil de replicar em outros ambientes sem modificações, simples de operar e sempre concluído da mesma forma.

5 características de um negócio escalável

1. Modelo de negócio repetível

A primeira característica que representa escalabilidade é a capacidade de expandir o negócio sem alterar seu modelo central.

Isso significa que esses processos são repetíveis, ou seja, podem ser replicados continuamente sem perder qualidade ou afetar o resultado do produto ou serviço. Dessa forma, uma empresa escalável pode fornecer a mesma solução indefinidamente.

2. Processo de produção ensinável

Uma empresa escalável também garante que seu processo possa ser facilmente ensinado a qualquer funcionário, equipe ou empresa terceirizada.

Obviamente, para isso, deve haver uma estrutura bem organizada e uma logística inteligente, que possa expandir os negócios. Portanto, um processo ensinável é aquele que pode ser repassado sem barreiras e torna a empresa mais flexível.

3. Alta demanda no mercado

Além de se preparar para o crescimento de toda a estrutura, a empresa também conta com a alta demanda do mercado para atingir sua escalabilidade. Afinal, o negócio só se expandirá quando houver grande demanda, e não é qualquer produto ou serviço que alcança esse efeito.

Portanto, o negócio escalável é baseado em uma solução que resolve os problemas do consumidor de forma inédita, preenche uma lacuna do mercado e conquista milhares de clientes.

4. Alto valor agregado

Para obter escalabilidade, você também precisa de produtos ou serviços com valor exclusivo. A solução deve agregar valor aos concorrentes e ocupar uma posição ímpar no mercado. Para chegar lá, as empresas precisam se especializar em atividades específicas e atender a certas necessidades não resolvidas dos consumidores.

5. Padronização da solução

Quanto maior o grau de personalização do produto ou serviço, maior a dificuldade de expansão e replicação em grande escala. Portanto, se você deseja construir um negócio escalável, precisa de soluções padronizadas e de um rígido controle de qualidade para fornecer sempre os mesmos produtos ou serviços.

Como criar um negócio escalável: passo a passo

Agora que está claro o que é escalabilidade, é hora de aplicar o conceito ao seu negócio. Siga as instruções para seguir o caminho do crescimento exponencial!

Defina um objetivo

Um negócio escalável não é estático: ele deve mantido em constante atualização para que a qualquer momento precise se adaptar às exigências do mercado e à evolução dos modelos de produção.

De qualquer forma, tenha uma meta claramente definida para não se perder no meio do caminho! É preciso saber exatamente onde se quer chegar.

Realize testes

Antes de colocar o produto no mercado, faça um protótipo e deixe as pessoas experimentarem. Analise a aceitação e faça as melhorias necessárias.

Busque referências

Procure se inspirar em outras empresas de sucesso que você admira!

Essa prática te ajudará a se guiar principalmente nos momentos mais complicados, pois perceberá que todas as empresas de sucesso também passam por esses desafios.

Mantenha-se atualizado

Nunca fique satisfeito com o nível alcançado, nunca presuma que você sabe o suficiente. Sempre pesquise, atualize e entenda as novidades do mercado para expandir seus negócios. Isso fará com que você se destaque da concorrência!

Boas práticas para a escalabilidade

Mais do que apenas vender, a sua empresa precisa encantar o público, expandindo cada vez mais a sua atuação no mercado e criando relações profundas com os clientes. Já imaginou ter um negócio com esse nível de influência?

Existem  algumas boas práticas que você pode adotar para ter escalabilidade em seu negócio:

  1. Defina bem seu negócio
  2. Pesquise seu mercado
  3. Pense no investimento financeiro
  4. Utilize toda tecnologia necessária
  5. Crie um MVP
  6. Automatize seus processos
  7. Não pare de fazer melhorias
  8. Mantenha a organização
  9. Faça networking
  10. Trabalhe com aquilo que você gosta

Exemplos de negócios escaláveis

Airbnb

Outro exemplo pode ser o Airbnb, uma plataforma na qual pessoas de todos os lugares do mundo oferecem acomodações para alugar à viajantes. No entanto, o Airbnb não é dono de nenhum imóvel.

A empresa possui apenas gastos com limpeza ou manutenção e lucra com uma taxa que recebe em cada negócio que é fechado através do aplicativo.

Uber

A Uber possui um modelo escalável muito semelhante ao Airbnb. A empresa não possui carros,  motoristas contratados, não possui despesas com gasolina, salários, ou manutenção dos automóveis.

A empresa ainda recebe uma taxa em todas as corridas feitas através do aplicativo!

→ Leia também: Como criar um modelo de negócio escalável?

E você, também pretende apostar na escalabilidade do seu negócio?

A Mais Consultoria Jr. pode te ajudar!

Se você ficou interessado em tornar seu negócio escalável, nós podemos te ajudar! Através de uma análise personalizada do seu negócio vamos atuar com propostas que visam agregar valor e aumentar a competitividade da sua empresa no mercado.

Escabilidade: A Mais Consultoria Jr. pode te ajudar!