Como otimizar a margem de lucro dos seus produtos e serviços?

Para abrir um negócio basta ter um capital para investir e montar a empresa. Mas para que esse investimento retorne para o empreendedor e o negócio seja bem sucedido, é preciso ter uma boa margem de lucro. Mas o que fazer para aumentar essa margem? A seguir apresentamos algumas ações que ao serem implementadas contribuem com a otimização dos lucros. 

O que é margem de lucro

Antes de conhecer as ações, é preciso entender o que, de fato, é a margem de lucro. Trata-se de um percentual que é adicionado aos custos totais de um produto ou serviço. Assim, forma-se o preço final da comercialização e também o lucro que a empresa vai obter com aquela venda.

A margem de lucro pode ser considerada um dos principais indicadores de todo negócio. Afinal, quanto maior ela for, mais recursos a empresa vai conquistar, aumentando inclusive a remuneração.

É possível calcular a margem de lucro de cada venda, utilizando a seguinte fórmula:

Margem de lucro = (lucro/receita) x 100 

Você fez a operação e acredita que é preciso otimizar a margem de lucro do seu produto ou serviço? Então veja algumas dicas a seguir de ações que contribuem com o aumento da margem.

Fidelize clientes

Um dos pontos mais importantes para todo negócio, é conseguir conquistar clientes fiéis à marca. Muitas empresas focam apenas na conquista de novos consumidores, o que de fato é importante. Mas aprender a reter os clientes que já consumiram seu produto ou serviço faz grande diferença para o negócio. Portanto, aplique ações como o envio regular de e-mails com promoções e cupons de desconto.

Gerencie o estoque

Outro ponto que influencia no sucesso do negócio é o gerenciamento do estoque, que precisa ser feito de forma inteligente. Afinal, produto parado no estoque é sinônimo de prejuízo e a falta dele também gera prejuízo, visto que o potencial cliente vai procurar a concorrência. 

Então faça uma análise e veja se você consegue vender todo seu estoque ou se tem perdido uma parte dele. Caso haja perda, invista em um sistema de gestão para fazer todo o controle.

Otimize processos

Processos bem planejados e executados evitam desperdício, sejam eles matéria prima, tempo, transporte, dinheiro ou pessoas. Por isso, a otimização dos processos é fundamental para que sua empresa melhore a produtividade e diminua os gastos. 

Reduza custos

Depois de otimizar os processos da sua empresa, é hora de analisar os gastos da empresa como um todo. Conta de luz, telefone e internet são exemplos de gastos desnecessários e que podem ser reduzidos significativamente com pequenas mudanças. Dessa forma, encontre as raízes desses gastos e aplique uma política de redução de custos

Conte com auxílio profissional

Nós sabemos o quanto é complexo colocar todas essas ações em prática e, por isso, oferecemos serviços de gestão de negócios que geram soluções de redução de custos, otimização de processos e melhoria contínua. Clique aqui e veja como podemos ajudar a sua empresa. 

Escritório virtual: o que é e quais seus benefícios para micro e pequenas empresas?

Para que um negócio seja reconhecido como algo sério e profissional, é fundamental que ele tenha um endereço comercial. Mas, como todos sabem, abrir um estabelecimento exige um grande investimento. Mas, devido à crise financeira e graças à modernização, surgiu no mercado uma excelente alternativa para quem deseja investir mas não tem dinheiro suficiente, que é o chamado escritório virtual. Você já ouviu falar sobre essa opção? A seguir explicaremos do que se trata e quais são  seus benefícios para micro e pequenas empresas. 

O que é escritório virtual?

O escritório virtual é um serviço que oferece aos empresários um local para ser utilizado como seu endereço comercial. Além do espaço, a oferta muitas vezes é complementada com outros serviços, como atendimento telefônico, local para recebimento de correspondências, utilização de salas que funcionam como coworking. Além disso, alguns pacotes oferecem espaços com acesso à internet, café, materiais para escritório e etc.

Benefícios do escritório virtual 

Essa é uma ótima alternativa para quem deseja e precisa ter um endereço comercial, mas não tem condições de arcar com todas as despesas de possuir um estabelecimento físico, situação muito comum às micro e pequenas empresas.

Além disso, é uma alternativa ideal para quem deseja comprovar a existência física, para quem não tem necessidade de estar diariamente em seu local de trabalho, mas que precisa de um espaço confortável para reuniões e atendimento de clientes. Assim, que tal conhecer quais são os benefícios de contratar um escritório virtual?

Economia de gastos

Investir em um negócio gera muitos gastos e qualquer economia faz uma grande diferença para o empreendedor. É a partir disso que um escritório virtual torna-se uma grande opção para quem deseja economizar com estabelecimento, principalmente. Afinal, os gastos não são apenas com o aluguel do espaço, mas também com conta de luz, de água, telefone, internet e etc. 

Além disso, a contratação de um escritório virtual permite que você invista em áreas que podem gerar mais retorno para você, como marketing e gestão de negócios.

Endereço comercial

Ao contratar os serviços de um escritório virtual, o endereço em questão passa ser a sede da sua empresa. Assim, toda correspondência destinada a você chegará no endereço contido em seu CNPJ. 

Linha telefônica exclusiva

escritório virtual

Além disso, o escritório virtual terá um número de telefone exclusivo para o seu negócio com atendimento personalizado. 

Credibilidade ao negócio

Para que um negócio transmita credibilidade e seja visto com bons olhos é preciso que tenha um endereço comercial. Assim, o interessado no seu negócio vai enxergá-lo com mais seriedade e profissionalismo.

Otimize os processos da sua empresa

Além do escritório virtual, existem muitas outras formas de reduzir os custos da sua empresa. Quer saber quais são? Clique aqui e acesse um e-book completo com todas dicas que você precisa para otimizar seus processos e, dessa forma, economizar.

Quanto tempo leva para uma empresa dar lucro?

Todo empreendedor inicia um negócio já pensando na rentabilidade que ele vai gerar. Afinal, ver sua empresa crescendo e lucrar com aquilo é o desejo de qualquer empresário. É por isso que toda pessoa que deseja investir se pergunta “quanto tempo demora para uma empresa dar lucro?”. É esta questão que será respondida neste artigo.

Quanto tempo leva para uma empresa dar lucro

Um dos principais questionamentos de todo empreendedor é quanto tempo será necessário para que sua empresa dê lucro real. A resposta a essa pergunta é simples e única: não há um tempo definido. A única certeza é que negócio nenhum dá lucro imediato. Para que uma empresa atinja o ponto de equilíbrio entre os gastos e os ganhos, é preciso tempo e que gestor tenha paciência

quanto tempo um negócio leva para dar lucro

Além disso, o tempo que esse lucro vai demorar para aparecer, depende de diversos fatores. Entre eles, o tamanho do negócio em que investiu, o tipo de serviço/produto que está sendo desenvolvido, qual o investimento inicial e a situação atual do mercado. Sem contar que fatores externos, como uma crise econômica repentina no país, podem afetar bruscamente os lucros de um negócio.

Em contrapartida, todo investidor precisa levar em conta que o sucesso é lento e construído dia após a dia e que a rentabilidade imediata é uma realidade distante, principalmente das pequenas e médias empresas

Portanto, para que o empreendedor que resolveu investir em certo segmento não se decepcione e não desista no meio do caminho, é importante se atentar a certas questões. Veja só: 

Tenha paciência

Ei empreendedor, o primeiro passo é dar início a um investimento conhecendo toda a realidade do empreendedorismo e entender que as conquistas levam tempo. Mas se você seguir o caminho certo, o retorno de investimento chega e aumenta dia após dia. Para isso, é preciso que você pratique a paciência. Afinal, se fosse fácil ter uma empresa, todo mundo seria dono do próprio negócio. 

Seja capaz de se adaptar no caminho

Como falado anteriormente, além de estar preparado para aguardar a evolução gradativa do negócio, é preciso que o empresário também esteja capacitado para se adaptar às adversidades que tendem a aparecer no caminho, como crise econômica no país e o surgimento de uma concorrente forte.

Foque nas estratégias de venda

quanto tempo um negócio leva para dar lucro

Para que a sua empresa dê lucro é claro que não basta ficar sentado esperando o tempo passar. A lucratividade é resultado de muito trabalho, empenho e dedicação. Por isso, é fundamental que o investidor tenha alma empreendedora. É necessário saber como conquistar os clientes, investir em marketing e em divulgação e se preocupar com a qualidade do serviço ou do produto.

Utilize algum tipo de orçamento de capital

Como já falado, não é possível identificar com precisão quanto tempo leva para uma empresa dar lucro. Mas existem métodos que calculam uma estimativa do lucro e em quanto tempo ele aparecerá. Assim, o empreendedor consegue avaliar se vale a pena ou não investir no segmento.

Orçamento de capital trata-se de um processo que as empresas utilizam para avaliar e classificar a atratividade de certos investimentos. Isto é, se eles podem dar retorno e gerar valor para o negócio. Para isso, existem alguns métodos de avaliação. Os mais comuns são:

  • Payback: é o período de tempo necessário para que a empresa recupere o valor investido no projeto. Com ele, é possível reduzir o risco e valorizar a liquidez.
  • Valor presente líquido (VPL): é vista como uma das principais ferramentas de análise de investimentos. Ela corresponde ao valor presente de pagamento futuro, descontando uma taxa de custo de capital. 
  • Taxa interna de retorno (TIR): É uma taxa de desconto que iguala o valor presente do fluxo de caixa futuro ao investimento inicial. 
  • Fluxo de Caixa Descontado (FCD): Determina o valor presente de uma empresa com base no dinheiro que a empresa pode gerar no futuro. 

 Contrate serviços especializados

Os métodos citados dão ao empreendedor uma estimativa do lucro, mas para conseguir uma perspectiva mais fiel, o ideal é contratar um serviço especializado na área. Clique aqui para falar com um dos consultores da Mais Consultoria. Eles podem ajudar você. 

Como fazer pesquisa de mercado e qual sua importância para as empresas?

Saiba como aproveitar os resultados da ferramenta para tomar decisões mais assertivas

A pesquisa de mercado é a ferramenta utilizada para identificar o que o seu consumidor está procurando, como ele avalia o seu produto ou serviço e o que os seus concorrentes estão fazendo o mesmo que você; Ou seja, a pesquisa de mercado nada mais é do que um estudo que permite que você entenda como o seu negócio está inserido no mercado e quais ações é necessário tomar para potencializar seus resultados.

O que é pesquisa de mercado

Para utilizar o mecanismo a favor do seu negócio, o primeiro passo é entender do que se trata. A pesquisa de mercado é um estudo que, por meio de coleta de dados e uma posterior interpretação, gera insights que passam a nortear as tomadas de decisões da empresa. 

Os seus clientes estão satisfeitos com a qualidade do seu produto/serviço? Como eles enxergam a sua marca? Quais são as necessidades e as dores de quem procura a sua empresa? Essas e outras respostas são adquiridas com a aplicação da ferramenta. E, dessa forma, tornam-se essenciais para tomadas de decisões seguras e mais assertivas.

Além disso, através do mecanismo, é possível analisar o concorrente e, assim, medir e avaliar o seu desempenho em comparação à concorrência.

Importância do mecanismo para o seu negócio

pesquisa de mercado

Independente do tamanho da sua empresa, a pesquisa de mercado é capaz de manter o seu negócio vivo no cenário competitivo. Administrar um negócio não é uma tarefa fácil e exige seriedade e organização. Qualquer decisão tomada deve antes ser analisada com muita cautela. Os achismos podem levar sua empresa ao fracasso.

É a partir daí que a pesquisa de mercado se faz tão importante. Ela oferece dados e informações reais sobre certo contexto, te mostrando o melhor caminho a ser seguido. 

Como fazer pesquisa de mercado

De acordo com os objetivos, a pesquisa pode ser tanto qualitativa quanto quantitativa. Portanto, o primeiro passo é definir o objetivo, ou seja, o que você pretende descobrir com a pesquisa. 

Em seguida, defina qual será o público-alvo da coleta de dados. Serão seus consumidores, seus concorrentes ou seus fornecedores?

A próxima etapa é definir a dimensão da pesquisa, isto é, o número de pessoas que serão entrevistadas. Posteriormente. faça um roteiro das perguntas que serão feitas. É importante que elas sejam claras, objetivas e imparciais. 

Depois que todos essas etapas foram concluídas, chegou a hora de aplicar o questionário. Seja por meio online ou presencial, vale lembrar que os entrevistados não devem ser intimidados a participarem da pesquisa.

Com as respostas obtidas, crie relatórios, analise-os e defina estratégias para colocar em prática o que a pesquisa revelou ser necessário. 

A Mais pode te ajudar

Quer entender melhor o mercado no qual seu negócio está inserido e conhecer melhor seus consumidores e concorrentes? A Mais Consultoria existe para ajudar você e a sua empresa. Clique aqui para saber mais.

5 Dicas para pequenas empresas crescerem em 2019

Todo empreendedor, ao dar início a um negócio, sonha com o sucesso e o crescimento constante do empreendimento. Mas o que fazer para a empresa crescer é o que os empresários se perguntam. Se você é um deles então está no lugar certo e aqui você vai encontrar respostas para alguns de seus questionamentos. Confira, a seguir, 5 dicas para pequenas empresas crescerem em 2019.

Dicas para pequenas empresas: como crescer em 2019?

Todo negócio começa pequeno e para ganhar força e destaque no mercado o primeiro passo é ter consciência de que o processo de desenvolvimento é lento e exige paciência. Sua empresa não vai aumentar significativamente os lucros do dia pra noite. Mas para alcançar o sucesso é preciso traçar o caminho que vai te levar até ele. Sempre com objetivos e metas bem definidas. Para você, micro e pequeno empreendedor, separamos 5 dicas para pequenas empresas crescerem em 2019. Confira:

1. Planejamento e organização

Antes de tudo, é preciso se organizar e traçar metas. Definir quais são os objetivos da sua empresa, é fundamental para identificar o caminho a ser seguido e as estratégias que serão utilizadas. Tenha um plano de negócios e um planejamento estratégico para organizar as ideias e nortear todas as ações.

2. Corte custos desnecessários

Existem nas empresas algumas funções que servem apenas para gerar gastos. Portanto, analise os processos e veja quais funções não são necessárias para o funcionamento do negócio. Depois de identificá-las, o próximo passo é cortá-las. Além disso, algumas despesas como luz, telefone e água podem ser significativamente reduzidas. Principalmente se houver a colaboração de toda a equipe.

3.Não confunda finanças pessoais com finanças da empresa

Um erro muito comum no mundo dos negócios é o fato dos gestores confundirem as finanças pessoais com as finanças da organização. Isso é extremamente prejudicial e pode fazer com que a sua empresa se afunde nas dívidas. Portanto, mantenha uma separação clara entre os recursos de cada área. Caso você enfrente uma crise financeira pessoal, busque outras soluções ao invés de utilizar sua empresa como banco de crédito.  

4. Tenha produtos/serviços diferenciados

A cultura do empreendedorismo está intimamente ligada ao espírito de inovação. Por isso, é muito importante pesquisar e entender o que você pode oferecer de diferente ao mercado. Com o número alto de novos empreendimentos, o cenário tende a ficar cada vez mais concorrido. Portanto, é muito importante buscar a excelência do serviço constantemente. Assim, o seu negócio será bem visto e, consequentemente, muito procurado.

5. Fidelize seus clientes

Para ter uma empresa bem sucedida, também é preciso ter um bom relacionamento com seus clientes. São eles que vão proporcionar lucro e rentabilidade ao seu negócio. Portanto, trate-os bem e invista em um atendimento de qualidade para fidelizá-los e, assim, aumentar suas vendas. Sem contar que um cliente satisfeito, além de se tornar fiel à sua empresa, também.

Como vencer a crise financeira

Sua empresa está passando por momento de crise financeira e você não sabe mais o que fazer? Clique aqui e veja alguma dicas de estratégias que vão ajudar sua empresa a superar a crise.

Cross Selling: aumentando os resultados de suas vendas

Talvez você nunca tenha escutado falar de Cross Selling e, por isso, está perdendo a oportunidade de garantir os benefícios da técnica para o seu negócio. Mas este artigo não chegou até você por acaso. Chegou a sua hora de conhecer o Cross Selling e aumentar os resultados das suas vendas.

Cross Selling: entenda o que é

cross selling

O Cross Selling, também chamado de venda cruzada, é uma estratégia de vendas que estimula o cliente a adquirir mais produtos do que havia planejado no início da compra. Com isso,  o cliente fica mais satisfeito com a experiência de consumo, enquanto o ticket médio do negócio torna-se maior.

Mas, como isso acontece? Bom, certamente você já se deparou com uma estratégia de Cross Selling e foi influenciado pela técnica. Sabe quando você vai até certo lugar, seja em um site, loja física ou outro canal, para comprar um item específico e acaba levando também outro item relacionado ao que você tinha a pretensão de comprar? Isso porque simplesmente lhe foi apresentadas condições de ofertas. É dessa forma que o Cross Selling é aplicado em um negócio.

Ou você acha mesmo que o Mc Donalds ou qualquer outra empresa de fast-food lança as promoções de combo sem nenhuma intenção?

Vale ressaltar que as estratégias de Cross Selling não é uma maneira de manipulação do cliente. Até porque a técnica atende ao interesse tanto do cliente, que pode adquirir um produto com valor útil pra ele, quanto do negociante, que vai aumentar o resultado da venda e lucrar mais.

É uma experiência incrível quando você vai até um estabelecimento de fast-food para comprar um sanduíche e a promoção do combo acaba te permitindo levar também a batata e o refrigerante por um preço mais em conta, não é mesmo? Então! Aí está o exemplo de como a técnica também garante vantagens ao cliente.

Como aplicar o Cross Selling na sua empresa

cross selling

O primeiro passo para introduzir as estratégias do Cross Selling de forma eficiente no seu negócio é entender a necessidade dos seus clientes. Ou seja, é importante identificar quais dos seus clientes realmente têm a necessidade de um segundo produto. Dessa forma, você deve focar os esforços dessa técnica apenas neles.

Uma maneira de identificar o perfil dos seus compradores é por meio de análise de dados comportamentais, por exemplo. Através da pesquisa, será possível identificar as buyer personas do seu negócio. Isto é, o cliente ideal para certos produtos.

Mas, atenção: cuidado para não oferecer produtos que não se relacionam com a compra em andamento do cliente. Uma oferta sem critérios pode fazer com que o jogo vire contra você. O cliente pode acabar se distraindo e não concluir nem a compra pretendida.

Outra preocupação importante é com o número de itens ofertados. É importante limitar a quantidade a um ou dois produtos por promoção. Dessa forma, não há risco do cliente ficar confuso e acabar não levando nada.

Além disso, faça a oferta de maneira natural. Mostre ao comprador que a sua única intenção é ajudá-lo. Use uma linguagem mais pessoal para oferecê-lo o novo item. Um bom exemplo é: “esse produto também pode agradar você”.

Outra estratégia que deve ser levada em consideração relaciona-se ao preço dos produtos complementares. É importante oferecer ao cliente apenas produtos cujo o preço não equivale mais do que 25% do preço do item principal.

Aumente os seus lucros

Quer mais dicas de como aumentar os lucros da sua empresa? Uma alternativa é identificar qual área da sua empresa precisa de otimização. Clique aqui para fazer o teste e encontrar a resposta agora.

Gestão Empresarial: faça o teste e aumente seus lucros.

Se a sua empresa está passando por alguma fase complicada o primeiro passo para reverter a situação é identificar qual é e onde está a raiz deste problema. Além disso, para aumentar os lucros e se destacar no mercado é preciso aprimorar os processos logísticos da sua empresa e exercer uma Gestão Empresarial de qualidade.

Por mais que pareça difícil se livrar de um problema da sua gestão, saiba que a solução existe. O ponto-chave, como já mencionado acima, é identificar a origem dele para, dessa forma, aplicar um processo de Melhoria Contínua específico.

 

Projetos para a Melhoria Contínua da Gestão Empresarial

 

gestão empresarial

 

A  Mais Consultoria Jr. é uma empresa que atua no mercado proporcionando soluções únicas de redução de custos e Melhoria Contínua. Para isso,  ela realiza alguns projetos personalizados. No artigo de hoje serão abordados três deles: Otimização de Recursos, Gestão Financeira e Gestão Estratégica. Cada um deles atua em áreas específicas com o intuito de solucionar problemas e otimizar processos.

 

Quer saber qual deles pode ajudar na evolução da sua Gestão Empresarial? Temos um teste que te dá a resposta em pouquíssimos minutos. Então continue a leitura para ter acesso a ele. Porém, que tal conhecer um pouco sobre cada um deles antes? Vamos lá!

 

Otimização de Recursos

 

Para evitar o desperdício dentro da sua organização, seja de matéria prima, tempo, dinheiro e pessoas, é preciso ter processos bem planejados e executados. É neste ponto que a Otimização de Recursos torna-se fundamental para a empresa melhorar a produtividade e alcançar os melhores resultados.

Planejamento e Controle da Produção, Kaizen e Gestão de Estoque são algumas das ações implantadas na Otimização de Recursos.

Confira a seguir alguns problemas que comumente são resolvidos com a aplicação da Otimização de Recursos:

  • Processos inchados, por exemplo: muitas pessoas para a mesma função, muito retrabalho e pouca objetividade.
  • Falta de atendimento ágil.
  • Dinheiro parado (muito estoque)
  • Tempo de produção maior que o necessário (equipe pouco produtiva).

 

Gestão Estratégica

 

Para estabelecer no Mercado, tornar mais competitivo e expandir o negócio, é necessário definir diretrizes e objetivos estratégicos. Dessa forma, a Gestão Estratégica atua na organização definindo metas, analisando ambiente interno e externo e elaborandoplanos de ação para a melhoria dos resultados.

Para melhorar a estratégia da sua empresa, a Mais implanta ações como Gerenciamento pelas Diretrizes, Planejamento Estratégico e Gestão para Resultados.

Veja a seguir alguns problemas que comumente são resolvidos com a aplicação da Gestão Estratégica:

  • Não ter posicionamento no mercado.
  • Não conhecer o cliente a fundo.
  • Estagnação/ Declínio no mercado.
  • Não estar aumentando as vendas.

 

Gestão Financeira

 

Ter uma Gestão Financeira é fundamental para a tomada de decisão em relação a novos investimentos e balanço financeiro favorável. Portanto, possuir um financeiro saudável é o primeiro passo para o sucesso.

A Mais pode ajudar a Gestão Financeira da sua empresa por meio de Análise de Custos, Planos de Ação para redução de custos e Precificação.

Confira a seguir alguns problemas que comumente são resolvidos com a aplicação da Gestão Financeira:

  • Não saber onde pode haver redução de custos.
  • Não ter os melhores dados para precificar e deixar o orçamento mais agradável.
  • Não ter tomada de decisão para investimento, devido à falta de estabilidade financeira.
  • Baixa remuneração.

Faça o teste!

Com base nos problemas apresentados, conseguiu identificar qual é o serviço ideal para a melhoria contínua da sua Gestão Empresarial? Então chegou a hora de ter a confirmação através do nosso Quiz. Clique aqui para responder as perguntas.